"Fazê"

Bom dia.
Há uns dias fui corrigido por um amigo em uma rede social, pois, coloquei a seguinte frase:
Fazê o que né, ...
ele corrigiu certo, colocou o verbo "fazer", porém fiquei na duvida se a palavra Fazê está realmente errada uma vez que não considero que uma redes social tenha que seguir os padrões cultos da lingua, mas, mesmo assim, não sei que existe o "fazê", alguém pode me explicar?
Bom dia Ricardo,

Na verdade como você mesmo mencionou, nas redes sociais não existe o costume de se utilizar exatamente a língua da forma digamos "mais correta". Tanto o verbo "Fazê" como a palavra "né" que você utilizou no exemplo realmente não existem, elas escritas dessa forma refletem o idioma falado em algumas regiões. O correto seria escrever "Fazer o que não é?"

Abraço!
Nesse exemplo que você deu, usar "fazê" só não é imperdoável pelo contexto de estar numa rede social - quem nunca escreveu por aí "todos chora" sabendo muito bem que falta um m no fim do verbo? Mas bom, a questão não é essa.

A forma "fazê" realmente existe, como vou dizer...? lá vai um exemplo: "eu precisava fazê-lo". Bom, em primeiro lugar, para usar o pronome átono desse jeito é preciso que ele se refira a alguma coisa contextualizada anteriormente, mas isso também não é o caso.
Grosso modo, você está trocando ~algo que precisava fazer~ por um pronome num caso que pede ênclise (pronome átono após o verbo). Como o verbo em questão está no infinitivo, o português pede uma supressão do r final no caso em que o pronome 'o' se torna 'lo'. Não me lembro exatamente qual a teoria dessa regra; se não me engano é a mesma que torna 'o' em 'no' como em "fizeram-no de bobo".

Enfim, "fazê" existe, mas junto com o pronome átono atrelado: fazê-lo, fazê-la, fazê-los, fazê-las. Note que: fazer-me, fazer-te, fazer-se, fazer-nos, fazer-vos.
Espero que tenha ajudado. (: