É normal se sentir frustrado quando vai estudar espanhol?

É o meu caso. Muitas vezes eu vou procurar a tradução de uma palavra em português para o espanhol e me deparo com uma "cópia" muito fiel da, para mim, original, como em 'ostentar', que em espanhol fica 'ostentar' também, e me parece que aprender uma palavra como essa é inútil, já que tem a mesma correspondência do meu idioma nativo (quando sabemos que qualquer vocabulário é importante). De certa forma, me aborrece ter que reaprender as mesmas construções gramaticais do português que também são vigentes em espanhol.
Eu adoro espanhol e venho aprendendo-o faz muitos meses, além de ter todos os motivos do universo para não desistir do aprendizado, já que é um idioma muito importante. Gostaria de saber se mais alguém sofre com esse "mal-agradecimento", visto que inicialmente é incrível estudar uma língua estrangeira que seja parecida à nativa, e, se for possível, gostaria de encontrar uma solução para esse incômodo nos meus estudos, les agradecería mucho.
1 resposta
Resposta aceita
52
Oi, SH LM,

Entendo o que está dizendo. Ao mesmo tempo em que existem muitas palavras semelhantes que facilitam o aprendizado, isso também frustra por passar a impressão de que não há utilidade ou avanço nos estudos com este vocabulário.

O meu conselho é que existem muitas coisas em espanhol que enganam, por exemplo, falsos cognatos, pronúncia e assuntos relacionados à gramática.

Quando encontrar uma palavra parecida com uma do português, verifique se não é um falso cognato. Depois treine a pronúncia, mesmo que sejam equivalentes exatos em português. A grafia pode ser igual, mas a pronúncia e a entonação são diferentes.

É isso! Bons estudos.