Como devo pronunciar o nome de uma cantora francesa, "Law"?

Perguntas e respostas sobre os idiomas espanhol, francês, italiano e alemão.
Avatar do usuário Sonia Argon
Preciso fazer a locução do nome de uma cantora, que parece ser francesa, em virtude do título da música estar em francês. O nome da cantora consta do álbum, como Law'. O título da música é " Baiser d amoureux". Por favor, alguém poderia me dizer como pronunciar, em francês, "Law"? Seria "Lu"? Obrigada.

Avatar do usuário Jlmmelo 2535 78

Mais Votada Mais Votada

Sonia Argon,

"Law" (lei = loi em francês), não existe em francês, nem como anglicismo (palavra inglesa). Os intelectuais, gramáticos, etc. Etc., por considerarem a França o berço da cultura mundial do século ...XIX, XX e XXI (século dos 'smombies'), sempre detestaram anglicismos.

Em inglês, pronuncia-se como o 'ló' português e pelo IPA /lɔː/ .

No site oficial da cantora francesa, consta o nome artístico de L.A.W', LAW' ou law'. Não consta o nome verdadeiro e nenhuma informação adicional. O site não é mais atualizado desde 2013: LAW' © 2013 • PRIVACY POLICY.

A sua dúvida é sobre a pronúncia do nome, mas se tiver interesse na cantora, pode procurar mais músicas em JAMENDO, que está mais atualizado que o site oficial. Ou no Facebook: https://www.facebook.com/Law-Officiel-1581654615398466/

A música " Law' - Baiser d'amoureux", postada no Youtube em 17.11.2012, só tem 542 'vues' até agora. A voz é dela até que é boa...

Sobre anglicismos, casulamente saiu um artigo no Le Figaro, (O Barbeiro), dia 14/08/2017: "Vingt anglicismes à bannir de toute urgence" :

" « Call », « deal », « asap »... Les anglicismes fourmillent dans nos discussions de tous les jours. Des expressions aussi ridicules qu'inutiles. Intimement confronté à ces mots-valises, Jean-Baptiste Jacob, responsable commercial, recense ces formules impardonnables. Florilège.

Il est aussi inutile que ridicule. Aussi futile que risible et pourtant... Bien indispensable. L'anglicisme, ce sabir que l'on adore détester, a envahi notre vocabulaire français. Par commodité autant que par «paresse intellectuelle», nous confiait il y a peu Jean-Baptiste Jacob, ancien élève de HEC et aujourd'hui responsable commercial chez Hiventy." [...]

("Vinte anglicismos a banir com toa a urgência"
"Call", "Deal", "ASAP"... Os anglicismos estão em nossas conversas diárias. Expressões tão ridículas quanto inúteis. Intimamente confrontados com estes neologismos formados pela fusão de pelo menos duas palavra existentes [ex: smombie = zombie du smartphone], Jean-Baptiste Jacob, gerente de vendas, fez uma lista desses bordões imperdoáveis. Antologia.

É tão inútil quanto ridículo. Tão fútil quanto risível e ainda... Muito indispensável. O anglicismo, é sabido que amamos odiar, invadiu nosso vocabulário francês. Por conveniência, bem como por "preguiça intelectual", nos revelou há pouco Jean-Baptiste Jacob, um ex-aluno da 'HEC' e agora um gerente de vendas na 'Hiventy'. [...])



Avatar do usuário Sonia Argon
Jlmmelo, obrigada pela valiosa ajuda! Muito interessante o texto sobre Anglicismo! Até a próxima!