Aportuguesamento das palavras

Por que algumas palavras sofrem aportuguesamento e outras não ?
Como por exemplo shampoo e xampu estão corretas mas o por que disso ?
E por que pizza é escrita mundialmente desse jeito?
Avatar do usuário p.paulo 585 10
Talvez seja por que fica mais fácil de escrever; enfim, em alguns casos a palavra é mais adaptável: ninguém vai escrever abat-jour em vez de abajur (muito trabalho). Além de que o francês "jour" é mais difícil de ser lembrado foneticamente e ligado à gramatica. Então abajur mesmo!
O mesmo acontece com balé, bufê, caratê, etc...

Há casos que a palavra é tão usada (e não dá trabalho para pronunciar) que parece que nascemos já falando ela, é o caso de "mouse/pizza".
Repare que não é só a pronúncia fácil que vai determinar o aportuguesamento, mas o uso massivamente por um grupo (portanto sua utilidade). A palavra "pazzo" (imbecil/idiota/otário/bobo) é tão fácil de pronunciar quanto "pizza"; é da mesma língua, e nem por isso ficou em um uso corrente em português.

Em alguns casos há uma transliteração (uma espécie de "transcrição fonética", como se traduzíssemos o som ou a escrita de modo a se acomodar aos nossos sons ou alfabeto.
Às vezes tentamos usar os caracteres e sons de outra linguagem do modo mais próximo da nossa própria (uma transposição), isso é bem perceptível, e.g., com palavras chinesas ou àrabes.
Assim, também palavras como João - O nome "João", por exemplo é Yohanan, em hebraico; Ioannes, em grego; John, em inglês; Jean, em francês; Giovani, em italiano, Juan, em espanhol; Johannes, em alemão. A transliteração é feita com auxílio da "tradução" de caracteres de uma língua para outra, não necessariamente o som será o mesmo.

Enfim, o aportuguesamento é um fenômeno de adaptação e aclimatamento aos nossos trópicos, isso denota bastante uso da palavra e a necessidade de "facilitar" para o falante de português (no caso, pois há também tais transposições para o inglês, por exemplo.)

Só lembrando que essa resposta é apenas de um leigo, um expert certamente irá usar os termos específicos da área, e trazer mais elementos para a discussão. Aqui foi só uma ideia geral para compreensão do porquê.
O estrangeirismo é um fenômeno natural que todas as línguas possuem em seu processo evolutivo. Trata-se de expressões, termos ou palavras estrangeiras que são naturalmente incorporadas à língua por diversos motivos: assimilação cultural, proximidade geográfica, etc. Muitos desses estrangeirismos foram aportuguesados, ou seja, sofreram adaptações gráficas para atenderem às necessidades dos falantes de Língua Portuguesa. Em alguns casos de palavras que ainda não estejam aportuguesadas, elas sofreram modificações em sua pronúncia, atendendo padrões de nossa língua.